UEMA divulgou classificados para a Segunda Etapa do PAES 2019

Avalie esta postagem

A Universidade Estadual do Maranhão (Uema), divulgou a lista dos classificados para a segunda etapa do Processo Seletivo de Acesso à Educação Superior (PAES 2019).

Veja como funciona o Sisu

Acesse as universidades e vagas – Medicina Sisu 1º e 2º semestres

Conforme o edital, foram classificados candidatos incluídos até o quádruplo das vagas.Veja a lista de candidatos.

Segunda Etapa PAES UEMA 2019

A segunda etapa será realizada no dia 25 de novembro, no horário de 13h às 18h (horário local). Essa etapa será constituída de 12 (doze) questões analítico-discursivas; abrangendo conteúdo de dois componentes curriculares que integram o ensino médio; de acordo com o curso escolhido, e prova de produção textual, segundo as diretrizes curriculares nacionais.

Concorrência

No PAES 2019, houve recorde de inscrições, com 57.114 candidatos disputando 4.249 vagas para os campi da UEMA; e 645 vagas dos campi da UEMASUL (Imperatriz e Açailândia), totalizando 4.894 vagas.

Entre os cursos mais concorridos estão: Formação de Oficiais – bacharelado em Segurança Pública – (PMMA na categoria feminino / sistema especial de reservas de vagas para candidatos negros); Formação de Oficiais – bacharelado em Segurança Pública – PMMA (feminino/ no Sistema universal de vagas); Medicina e; Direito.

A disputa por vaga no curso de Formação de Oficiais – bacharelado em Segurança Pública – (Polícia Militar na categoria feminino/ sistema especial de reservas de vagas para candidatos negros) será alta. Há 386 candidatas concorrendo a uma vaga.

No curso de Formação de Oficiais – bacharelado em Segurança Pública – PMMA (categoria feminino / Sistema universal de vagas) serão 356.25 mulheres na disputa por vaga. Em seguida vem o curso de Medicina, no Campus Caxias; com 297.62 candidatos por vaga. Em quarto lugar, está o curso de Direito, Campus São Luís, com 88.22 pessoas na disputa por uma vaga. Veja a concorrência completa do PAES 2019.



Fonte: Como Passar em Medicina

Comentários do Facebook